Por Amauri Moura

Trabalho com vendas pela internet desde 2005. Já tive a minha própria loja virtual e já ajudei milhares de pequenos empreendedores a conseguir vender online e, ao longo desse tempo todo, identifiquei os principais males que afligem grande parte dos projetos de vendas pela internet.

Segundo estatísticas da Abcomm, é muito claro, existe uma elite no comercio eletrônico brasileiro que consegue fazer vendas pela internet diariamente e de forma constante, porém, grande parte (em torno de 90%) das lojas virtuais fazem 30 pedidos por mês ou menos.

Se você faz parte dessa terrível estatística provavelmente você está cometendo alguns dos erros abaixo. Veja se você se identifica com algum deles:

  • Estratégia Errada

Não é à toa que esse item é o primeiro da lista, pois esse é o erro mais comum e mais grave. Para ser mais assertivo, talvez, nem devesse chamar esse item de estratégia errada e sim de “não ter nenhuma estratégia”. Se você quer ter um negócio de sucesso você precisa ter uma estratégia sólida e diferenciada. Planeje cada passo do seu negócio, saiba quanto irá gastar e quanto pretende faturar em um determinado período de tempo. Você irá perceber que investir em vendas pela internet exige uma estratégia pautada em dados e planejamento constante.

  • Não focar em um nicho especifico

A forma mais poderosa que conheço quando se é pequeno e não conseguimos concorrer com os grandes nas vendas pela internet é ser “nichado”. Ser “nichado” é ser focado em um público alvo específico. O Problema é que muita gente que começa uma loja virtual quer vender tudo para todo mundo. A minha dica é: foque em um público específico; conheça os hábitos de compra desse público e saiba como agradá-lo oferecendo os produtos que ele precisa.

  • Falta de informações para contato

Sim, isso é básico e muita gente não consegue sucesso em vender pela internet porque não faz o básico. Quando digo ter informações de contato é ter, pelo menos, um telefone fixo bem no topo do site e/ou um sistema de chat que fique grande parte do dia online. Se você tem um celular como telefone de contato, melhor tirar AGORA. Garanta um número de telefone próprio para realizar um bom relacionamento com o cliente.

e-book-como-vender-mais-em-seu-e-commerce-og

  • Você não utiliza vídeos

Os vídeos em lojas virtuais são recursos extremamente poderosos para ajudar a loja virtual a melhorar a taxa de conversão e a melhorar o tempo que as pessoas permanecem na sua loja virtual. Sem falar, que se você colocar os vídeos da sua loja no YouTube você ainda pode conseguir algumas visitas extras vindas de lá. A estratégia de vídeos tem sido muito utilizada por fornecer um conteúdo relevante para os clientes que buscam fazer vendas pela internet, pois tem mostrado diversos resultados e benefícios para as lojas virtuais como interação com o público e reconhecimento de marca.

  • Descrições ruins e incompletas

Isso é algo que acontece muito, pois as pessoas querem ter muitos produtos (falo mais sobre isso no item 7) e dessa forma não tem “tempo” para fazer boas descrições e os dois maiores problemas disso são:

○ Quando todas as lojas são iguais o cliente vai escolher o menor preço; então você deve garantir um diferencial da sua loja, oferecendo boas descrições de produtos que mostrem os detalhes daquilo que será comprado.

Se tudo na sua loja é igual as dos seus concorrentes o que você acha que os clientes vão levar em consideração na hora de escolher de quem comprar? De quem oferecer o menor preço, é claro.

○ Não ajuda no SEO;

Descrições de produtos copiadas de fabricantes ou muito curtas não ajudam em nada na possibilidade da sua loja virtual ser encontrada e ser bem qualificada pelo Google.

  • Plataforma não é fácil para o cliente comprar

Muitas lojas virtuais são confusas e lentas. Lembre-se, quanto mais tempo e mais cliques o seu cliente precisar dar menor será a sua taxa de conversão. Quer fazer algo para aumentar as vendas? Facilite a vida dos clientes quando eles quiserem comprar de você. Invista em um design responsivo. Se você não sabe o que é isso eu te explico: um site com um design responsivo é aquele que oferece uma experiência completa para o usuário quando acessado por meio de um dispositivo mobile. Ter um design responsivo não significa ter um aplicativo da sua loja virtual, mas sim um site que se adapte aos navegadores mobile, como o Google Chrome para celular, por exemplo.

  • Mix errado de produtos

Aqui é onde vejo muita gente começando a cavar a cova da sua loja virtual. Na ânsia de não parecer uma loja virtual nova e/ou pequena as pessoas que querem vender pela internet optam por ter um mix de produtos com grande variedade e pouca quantidade de cada produto.

Quando fazem isso, os empreendedores acabam matando todo o seu capital em estoque e não tem recursos para compra de tráfego para atrair visitantes/compradores para sua loja.

 

Para entrar mais afundo nisso deixo duas dicas:

1) Vídeo que fiz falando sobre os problemas de quem quer vender pela internet. Assista!

2) O link deste guia completo para vender na internet.  Nele fiz um resumão de tudo que aprendi nesses mais de 10 anos trabalhando com lojas virtuais.

Marcio EugênioD Loja Virtual

Comentários

  • ótimas dicas. vejo muitas lojas grandes com descrições incompletas ou erradas.