Por que o split de pagamento transacional é ideal para o meu marketplace?

Os marketplaces são conhecidos por proporcionar flexibilidade aos consumidores e vendedores, o que se estende para os meios de pagamento. Além da necessidade de satisfazer os clientes quanto à facilidade e comodidade no checkout, as plataformas precisam receber as taxas cobradas dos lojistas, na mesma medida em que estes esperam pelo montante devido de forma rápida, organizada e confiável. Nesse cenário, o split de pagamento transacional pode ser uma boa solução, já que esse processo se torna totalmente automatizado.

Essa ferramenta permite aos marketplaces dividirem uma mesma transação em diversos pagamentos de forma automática, em tempo real e sem a necessidade de intermediadores. Ou seja, a gestão dos valores a serem recebidos pelas partes envolvidas, bem como os processos em si passam a ser realizados com mais eficiência, precisão e agilidade. 

Os splits de pagamento são divididos em pós transacional e transacional. O primeiro modelo é possível apenas para transações com cartão de crédito e pode ser realizada dentro de um período de 20 dias se o marketplace possuir um regime padrão de pagamentos, o segundo realiza o comissionamento e repasse automaticamente para os agentes da transação, excluindo a figura do marketplace como agente de pagamento.

Split de pagamento e marketplace: um caminho menos complexo para realizar a divisão de pagamentos

Segundo a Ebit|Nielsen, o mercado de marketplace cresceu 52% em 2020, o que gerou um faturamento de R$72,3 bilhões para o segmento. As plataformas estão se tornando cada vez mais robustas, envolvendo um número grande de lojistas, o que por sua vez gera a necessidade de organizar a gestão de processos. Entre eles estão os relacionados à dinâmica de divisão de pagamentos entre os marketplaces e as marcas que lá se encontram.

É dentro dessa realidade que o split de pagamento pode ajudar. Trata-se de uma ferramenta que tem grande valor, tanto para as plataformas de produtos quanto de serviços. Veja nessa representação como ela funciona na prática:

Isso, atrelado a criação de regras personalizadas, coloca o split de pagamento como um recurso que melhora as etapas de compra, gerando mais inteligência e redução de tempo gasto por empreendedores em processos administrativos. 

Entre os benefícios a destacar estão: evitar bitributação, integração mais simples para lojistas, melhor organização de recebimentos e satisfação do cliente final.

As regras do split de pagamento

As regras e o modo de funcionamento do split de pagamento podem ser definidos pela empresa que administra o marketplace. Vale ressaltar que, para atrair cada vez mais vendedores e se tornar uma grande plataforma, é preciso estabelecer taxas e comissões por transação justas e satisfatórias para ambos os lados, conforme o modelo de negócios.

Normalmente, para marketplaces de produtos, a média de taxas de comissionamento fica entre 10% a 20%, variando conforme o ticket médio dos consumidores. Já quando se trata dos marketplaces de serviços, uma porcentagem adequada varia de 15% a 25%. Isso porque serviços geralmente têm uma margem de lucro maior em função de não haver necessidade de comprar produtos para revenda.

Outro aspecto a ser considerado pelos empreendedores é o estorno ou chargeback. Conforme o Art. 49 do Código de Defesa do Consumidor, qualquer pessoa possui o direito de se arrepender de uma compra pela internet e devolver o item comprado em até 7 dias. Se isso ocorre, o marketplace precisa devolver o dinheiro para o cliente.  Ao fazer o estorno, como o gateway já realizou o pagamento, cobrando uma taxa da plataforma, o custo normalmente fica em cerca de 3,5% do valor do produto ou serviço. 

Como esses encargos são inevitáveis, o gestor da plataforma deve decidir quem deverá arcar com os mesmos. Geralmente, o custo é dividido entre marketplace e vendedor. No entanto, é possível ao operador do marketplace arcar com a despesa sozinho, oferecendo como um dos diferenciais. 

Com a evolução do varejo online, os vendedores podem alcançar mais pessoas e contar com processos menos complexos, elemento importante para fazer com que as empresas cresçam.  

O Moip é uma plataforma de serviços financeiros pensada para ajudar varejistas a facilitarem seus processos de pagamento com segurança e inteligência. Para saber mais sobre o split de pagamento e outras soluções, entre em contato com um dos especialistas.

Dicas e erros a evitar para configurar o split de pagamentos em sua empresa

Com o aumento considerável no número de marketplaces, aplicativos de serviços e demais plataformas que envolvem diferentes fornecedores, a escolha de um bom produto de split de pagamentos é cada vez mais necessária. Afinal, trata-se de uma ferramenta que facilita o processo tanto para os gestores dos sistemas quanto para quem os utiliza como vendedor ou cliente, e precisa ser sólida e confiável para todos.

Apesar de saber da importância do produto, é comum que os empreendedores deixem de aproveitá-lo completamente , em função de alguns problemas de configuração e implantação.

 Este artigo,  pode te ajudar com dicas e o que fazer para evitar erros  ao utilizar o split de pagamentos em seu negócio. Assim, você vai aproveitar ainda mais benefícios da ferramenta.  Confira!

Como utilizar o split de pagamento da melhor maneira

De modo geral, o split de pagamento permite que o pagamento que os consumidores fizeram para um ou mais vendedores, com ou sem comissão para o marketplace, seja dividido no ato da transação da maneira combinada entre as partes envolvidas.

A partir da autorização pelas instituições bancárias, o recurso faz a divisão dos valores de forma automatizada, conforme as regras determinadas pelos gestores. Veja algumas dicas de como garantir que o split de pagamento funcione corretamente para seu e-commerce:

– Mantenha atualizados todos os dados de fornecedores, vendedores, franquias e demais envolvidos, de forma com que ambos possam receber corretamente;

– Utilize o split de pagamento para seguir em conformidade com a regulamentação do Banco Central (BACEN) para os marketplaces, pois com o uso da ferramenta se elimina o fluxo financeiro da gestão do negócio;

– Saiba que a tecnologia de split de pagamento é indicada para qualquer tipo de empresa cuja gestão financeira envolve mais de um recebedor, independentemente de formato, segmento ou nicho. O que vale, neste caso, é o modelo de negócio.

Trata-se de um recurso simples de ser implantado, na mesma medida em que traz automatização e otimização dos processos de pagamento, gerando organização, agilidade e satisfação para todos os envolvidos na compra e venda.

Erros a serem evitados com o split de pagamento

Por si só, o split de pagamento segue a premissa de gerar menos erros possíveis. Porém, como citamos, a má configuração pode atrapalhar o seu funcionamento. Os principais erros a evitar são:

Configurar além da porcentagem indicada

As regras de divisão são configuradas por pedido. A divisão pode ser feita: 

1) por meio de um valor percentual de 0 a 100% (exemplo: 20%);

2) por meio de um valor fixo (exemplo: R$5,00).

Não incluir corretamente os dados de fornecedores e vendedores

A inserção de informações corretas sobre os vendedores e fornecedores é um fator básico para o bom funcionamento do split de pagamento. Do contrário, por mais que o sistema realize os processos automaticamente, torna-se impossível finalizá-los. Na prática, os procedimentos de repasse podem ser interrompidos.

No entanto, ao contar com uma solução eficiente como a do Moip, caso ocorram falhas é possível acionar o time de integração, o qual prontamente presta suporte ao cliente. Apoiamos as empresas na otimização de seus processos de pagamento, estando dentro das diretrizes do Banco Central. 

Para saber mais sobre os nossos serviços, entre em contato com um de nossos especialistas.

Split de pagamento na prática: situações onde ele pode ser adotado

Ao longo dos últimos anos, o mercado de e-commerce vem crescendo de forma significativa. Junto a esse movimento, bem como impulsionadas por fatores como a transformação digital e o novo perfil do consumidor, estão as ferramentas que podem ser utilizadas para facilitar o dia a dia das empresas e otimizar a experiência dos clientes. O split de pagamento é uma delas. 

O recurso, que vinha sendo utilizado pelo varejo físico há algum tempo, chegou ao comércio eletrônico recentemente, mas já faz parte das operações de muitos varejistas e negócios de outros setores. Se você está aqui, provavelmente é porque ouviu falar sobre a solução e quer saber se a mesma pode auxiliar a sua organização.  

Nesse caso, chegou ao lugar certo. Acompanhe o artigo, saiba mais sobre o conceito e conheça algumas formas práticas de utilização. 

O que é split de pagamento?

Split de pagamento é o nome que se dá à possibilidade de um mesmo cobrador dividir uma transação financeira em diversos pagamentos. Desse modo, os diferentes agentes, ou vendedores, recebem o valor devido de forma automática e sem repasses e bitributação.

É uma funcionalidade muito usada no método de cobrança de comissão sobre as vendas, como é o caso de marketplaces como o Mercado Livre, Submarino e Magazine Luiza. Além disso, aplicativos como Uber e Airbnb também utilizam a ferramenta. 

Para ficar mais claro, vamos a um exemplo. Imagine que um consumidor faz uma compra de R$500,00 no marketplace, valor que é repassado para intermediadores e lojistas automaticamente no momento do checkout. 

No entanto, na fatura do cartão do cliente aparece apenas o valor total, não sendo discriminada a divisão feita entre os parceiros. Isso facilita tanto os processos das empresas quanto a experiência de compra. 

Em quais circunstâncias o split de pagamento pode ser utilizado?

O split de pagamento pode ser adotado por qualquer negócio que tenha a necessidade de dividir pagamentos de uma mesma transação por diferentes destinatários. Listamos algumas situações específicas para as quais ele pode ser empregado:

  • Compras que envolvem mais de um vendedor

Uma situação que vem se tornando cada vez mais comum, na medida em que o número de marketplaces cresce, é o cliente colocar produtos e serviços de diversos fornecedores no mesmo carrinho. Para o consumidor, a compra continua a mesma, enquanto para as empresas o processo se torna dinâmico, organizado e facilitado, já que as mesmas recebem os valores de forma automatizada e descentralizada, direto da transação, sem a necessidade de repasse ao marketplace. 

  • Uso de dois cartões pelo cliente

Outro exemplo de como o split de pagamento pode ser utilizado é quando o consumidor utiliza dois cartões para realizar uma compra. Isso ocorre por razões como limite insuficiente ou prazos de pagamentos diferentes. Ao contar com essa comodidade, caem as chances de um potencial cliente desistir de adquirir aquilo que precisa ou ir para a concorrência. 

  • Marketplace de serviços

O marketplace de serviços é um modelo de negócios inovador, que tem como objetivo reunir diversos fornecedores em um mesmo ambiente online. Um dos mais conhecidos é o Get Ninjas, que integra soluções como as de limpeza, manutenção, assistência técnica e reformas. 

Para esses casos, o split de pagamento também é uma boa solução. Isso porque tanto o intermediador, no caso o site, quanto os profissionais recebem seus pagamentos de forma automática, confiável e segura.

  • Comissionamento

Outra forma de utilizar o split de pagamento é para situações mais simples de comissionamento. Por exemplo, no caso dos representantes de vendas, os quais podem indicar determinada marca ou produto. Enquanto o valor cheio fica para o marketplace, os mesmos recebem uma porcentagem, repassada na hora da transação, sem necessidade de ir para a conta-mãe e, depois, para o comissionado. 

Como o Moip apoia varejistas a aprimorar o spit de pagamento

O Moip, que foi fundado em 2007 e adquirido pelo grupo PagSeguro é pioneira no split de pagamento, com a solução mais madura do mercado e 100% transacional Seu propósito  é apresentar soluções simples e definitivas para negócios e empreendedores.

Entre as ferramentas disponibilizadas estão o split de pagamento e recurso de checkout transparente, as quais já são amplamente utilizadas no mercado. Para saber mais sobre esses e outros serviços, converse com um de nossos especialistas.

Split de pagamento - Conheça as vantagens


Moip e a solução pioneira de split payment para marketplaces no Brasil

Já falamos em outras oportunidades sobre as vantagens de se investir em um marketplace próprio e facilitar a livre oferta de produtos a preços extremamente competitivos. Mas antes de tudo, é preciso avaliar como será o processo de pagamento e recebimento de valores transacionados nesse ambiente.

Pensando em facilitar a rotina do marketplace, sellers e compradores, vale a pena considerar a automatização desse processo, através do split de pagamento para marketplace, uma funcionalidade presente em boa parte das soluções de pagamento do mercado.

Split payment é uma funcionalidade da solução de pagamento para marketplace que permite ao consumidor realizar um único pagamento, diante da compra de produtos de diferentes vendedores. Depois realiza a divisão desse valor, conforme o preço de cada.

O split de pagamento para marketplace funciona assim: o comprador realiza a compra na loja de um ou mais lojistas presentes no marketplace. Diante da autorização do pagamento pela administradora do cartão de crédito ou banco, o split de pagamento para marketplace fará a divisão dos valores de acordo com a regra determinada pelo marketplace, no momento da contratação do serviço.

O marketplace recolhe seu percentual por venda finalizada e repassa o valor excedente ao lojista. Cabe ao marketplace definir de quem será cobrado o frete pelo envio do produto ao comprador, se do percentual dele ou do lojista.

A indicação é de que o marketplace assuma esse percentual sempre, a fim de atrair, cada vez mais, uma base maior (e já mencionamos anteriormente a importância dessa base). A divisão de valor é automática e os lançamentos são realizado por meio do split de pagamento para marketplace, sem intervenção manual, reduzindo assim as possibilidades de erro.

Viu como tudo é feito para evitar ao máximo preocupações e oferecer credibilidade, já que esse processo garante a segurança não só de quem está comprando, mas também de quem está vendendo?

Wirecard para marketplaces

Muita gente se pergunta o que é Wirecard e o que nós fazemos. Então, antes mesmo, de apresentar a nossa ferramenta voltada a marketplaces, vamos explicar o que fazemos.

A Wirecard é uma solução de pagamentos para e-commerces, marketplaces e assinaturas que realizam cobranças recorrentes. Se a gente monta um marketplace? Não! =)

Somos apenas a plataforma de pagamentos mais completa do mercado que propõe funcionalidades capazes de otimizar a rotina do seu negócio, mas podemos indicar alguns parceiros que criam o layout e desenvolvem o marketplace.

Com a ferramenta Wirecard para marketplaces (Wirecard split payment ou split de pagamenta Wirecard) é possível facilitar transações entre compradores e vendedores, cobrar por isso e ter todo o controle, de maneira fácil para você e para os usuários do seu serviço.

Qual a experiência que o marketplace quer oferecer para seu vendedor?

Conta da Wirecard clássica:

Quando a conta do vendedor é criada pela API de cadastro, a Wirecard envia automaticamente uma mensagem para que ele crie sua senha. Nesse modelo, o vendedor faz todo o controle financeiro através da página Wirecard. Todas as dúvidas relacionadas ao pagamento são de responsabilidade da Wirecard.

Conta da Wirecard transparente:

O vendedor faz todo o controle financeiro através do ambiente do marketplace que, por sua vez, deverá desenvolver uma interface dentro da sua plataforma espelhando as informações da Conta da Wirecard em seu ambiente. Ele também é responsável por toda a comunicação e dúvidas relacionadas ao pagamento, pois nesse modelo, a Wirecard só tem relacionamento direto com o marketplace, e o próprio marketplace escolhe quem paga a tarifa.

Relatórios e conciliação financeira no marketplace:

Muito mais flexibilidade e facilidade para extrair relatórios e realizar gerenciamento de fluxo de caixa, através de um dashboard intuitivo que fica na Conta da Wirecard.

Bom, é isso! A expectativa é que esse conteúdo tenha ajudado a você a entender o que é a Wirecard e a tomar a melhor de decisão quanto a solução ideal que oferece split de pagamento para marketplace. Convencido? Vamos investir em um marketplace? Conte conosco!

Se quiser agendar sua consultoria com o nosso time de marketplace, clique nesse link para podermos entrar em contato com você. Será um prazer para nós te ajudar a bombar o seu marketplace.