Gestão eficiente usando software ERP

A maioria dos problemas de gestão empresarial pode ser solucionada com o uso correto de um bom sistema ERP (Enterprise Resource Planning). Além de organizar os processos, esses softwares aumentam a produtividade e reduzem custos.

Os sistemas de gestão ERP estão no topo da lista de tecnologias que toda empresa deve ter.

Com eles, a falta de integração entre as ferramentas e processos deixa de ser um problema. Não é mais preciso controlar e acrescentar dados manualmente de uma planilha para outra.

Só com isso já dá para ter uma ideia das vantagens da implementação de um software ERP. Porém, não é só isso. Essa tecnologia é voltada para melhorar a gestão empresarial e favorecer o seu negócio como um todo.

Veja como um sistema ERP pode otimizar a gestão empresarial e levar sua empresa para outros patamares.

O que é software ERP?

Um sistema ERP (Enterprise Resource Planning) ou Sistema Integrado de Gestão Empresarial é um programa capaz de integrar todas as informações e processos de uma empresa em um só lugar.

Dessa forma, em um mesmo sistema é possível acessar todos os dados de uma organização e ter um visão ampla do negócio.

O uso de um software de gestão não só otimiza as tarefas, aumenta a produtividade e reduz erros e custos, como também, permite ao gestor ter dados fidedignos para uma tomada de decisão muito mais precisa.

Vantagens de usar um sistema de gestão empresarial ERP

A adoção de um ERP afeta todas as suas áreas da empresa, uma vez que esses sistemas controlam todos os processos, da produção às finanças, de maneira clara, segura e em tempo real.

Há uma série de resultados positivos e benefícios listados a partir do uso de um sistema ERP, tais como:

– Auxilia na tomada de decisão;

– Atende todas as áreas da empresa;

– Base de dados única e centralizada;

– Possibilita maior controle sobre a empresa;

– Informação em tempo real;

– Permite a integração das áreas da empresa;

– Orienta processos.

Como o ERP melhora a gestão

Ao implantar um ERP, a empresa ganha em controle e padronização de processos. Esse sistema facilita a integração das diversas áreas da empresa, permitindo o controle das informações por meio de uma base de dados única e centralizada.

É sabido que para uma gestão eficiente é preciso dados corretos da situação da empresa. Como os dados são digitados apenas uma vez no sistema ERP e refletem em todos os outros processos automaticamente, há a redução de erros humanos e aumento da confiabilidade e integridade do sistema.

Veja em detalhes algumas rotinas empresariais facilitadas com a adoção de um software ERP:

Integração das áreas da empresa:

Com um sistema de gestão ERP, todas as rotinas de um negócio se comunicam com rapidez e facilidade.

Por exemplo, ao fechar uma venda, esta já é atualizada no financeiro, no estoque e permite a emissão da nota fiscal em instantes.

Isso confere agilidade para os processos e segurança nas informações.

Emissão de nota fiscal:

A emissão de Notas Fiscais é uma obrigação fiscal de toda empresa que realiza vendas.

Um sistema de gestão empresarial completo traz mais agilidade, praticidade e suporte técnico para a emissão do documento fiscal.

Após a conclusão da venda, já é lançada a nota, os boletos e realizado o registro dos pagamentos, ao mesmo tempo em que atualiza o estoque e baixa os produtos vendidos.

Controle de estoque:

O estoque é um setor que influencia muito nas demais áreas da empresa. Organizá-lo pode ser um desafio.

Além da organização e controle de entrada e saída, é preciso calcular o giro de estoque para que se compre apenas o necessário, sem que falte e comprometa as vendas, nem que sobre e fique dinheiro parado.

O software ERP ajuda no controle e gestão de compras ao analisar os produtos mais vendidos. Além disso, com todos os produtos cadastrados no sistema, a identificação e emissão de nota fiscal ficam muito mais rápidas.

Gestão financeira:

Manter as finanças da empresa sempre saudáveis é fundamental para que ela prospere.

A gestão financeira engloba diversas tarefas que precisam ser realizadas sem nenhum erro, pois dados exatos permitem a visão real do desempenho da empresa.

Através desses dados é que são tomadas as decisões do futuro da empresa, seja de expansão ou corte de gastos.

Relacionamento com clientes:

Ter uma boa relação com o cliente é primordial para o sucesso de qualquer negócio. Afinal, um consumidor satisfeito tende a se fidelizar e indicá-la para outras pessoas.

O sistema ERP mantém organizadas todas as informações dos clientes. Nessa base de dados, é possível filtrar os contatos e tomar decisões estratégicas, principalmente em marketing.

Você pode criar campanhas segmentadas e estreitar o relacionamento com seus clientes.

Conclusão

Nas décadas passadas os sistemas integrados de gestão ERPs eram extremamente caros, se tornando viáveis somente para empresas de grande porte. 

Com o avanço da tecnologia, novos sistemas surgiram e passaram a ser largamente utilizados por empresas de todos os tamanhos e setores.

Hoje em dia, é possível encontrar ERPs baratos e que funcionam muito bem, com todas as ferramentas necessárias para auxiliar na gestão.

Com o sistema em nuvem não precisa mais estar na empresa e em determinada máquina para ter acesso aos dados. Basta ter acesso à internet que é possível logar no sistema de qualquer lugar, tornando o processo ainda mais prático.

Como um sistema ERP pode auxiliar na gestão de estoque e logística na Black Friday

Entre as medidas de organização do e-commerce para a Black Friday, uma das maiores campanhas de vendas do ano, gerir o estoque e controlar as integrações logísticas através de um sistema de gestão unificado é uma das estratégias que auxiliam o lojista a organizar a operação e a pensar na campanha de forma inteligente, focando na experiência do cliente.

A gestão do estoque feita de forma correta, evita excessos e falta de produtos no estoque, evitando perdas nas vendas. Quando as informações ficam centralizadas em um único canal, também é possível organizar a loja para a venda em múltiplos canais, facilitando a gestão e integrações aos marketplaces e também aos parceiros logísticos.

O sistema de gestão ERP auxilia desde a inserção de novos produtos no estoque ao acompanhamento do status de pedidos de venda. Todo o fluxo operacional fica organizado, agilizando os processos e ganhando tempo e eficiência na rotina diária.

Confira 3 motivos para utilizar o ERP na gestão de estoque e logística:

#1 Maior controle e giro de estoque:

É preciso estar atento ao estoque, ele diz muito sobre o seu negócio. O giro de produtos é um sinal de que as escolhas de produtos para venda estão agradando o cliente e que ele está chegando até o seu canal para efetivar suas compras. Produto parado em estoque significa capital de giro parado e isso não é bom para o negócio. Nesta época que antecede a Black Friday, é preciso verificar os produtos em estoque para fazê-los girar na campanha de vendas. O sistema de gestão é responsável por manter o estoque atualizado com as vendas de todos os canais, mantendo o empreendedor informado quando produtos estão em falta ou sobrando em estoque.

#2 Organização interna:

É importante registrar tudo o que entra e sai da empresa para ter diagnósticos com relação às campanhas de venda, sucesso ou pouco giro do produto, manter prazos de validade em dia, entre outros cuidados. Além de controlar o estoque, o ERP também também permite a emissão de notas fiscais eletrônicas, a geração de boletos bancários e de cobranças e de propostas comerciais.

#3 Logística Integrada

Engana-se quem pensa que a logística é somente a entrega do produto ao cliente. O processo começa ainda o estoque, englobando desde o processo de armazenagem, seleção de pedidos, preparo do produto e transporte. É uma grande operação. O espaço de armazenagem deve primar pela qualidade do estoque e com organização fica fácil a visualização dos produtos e suas especificações. Isso contribui para a etapa de separação do produto, que deve ser feita com atenção para não errar no pedido do cliente, como modelo, tamanho ou outras especificações.

A embalagem deve ser feita com cuidado em material adequado e exclusivo para cada tipo do produto. Isso para que a entrega chegue em perfeito estado ao cliente. O ERP também é fundamental para fazer integrações logísticas, a fim de ter parceiros responsáveis em casos de problemas com o transporte. A transportadora deve oferecer os serviços de rastreamento e escolta das cargas, já que é um fator importante para que o produto chegue até o consumidor com segurança, evitando problemas para o e-commerce. Através do sistema de gestão é possível gerenciar os seus envios

Benefícios da Logística Integrada:

Utilizando um gateway de fretes integrado a um software de integração logística, é possível fazer cotações de serviços de transporte, definir qual transportadora irá realizar a entrega e acompanhar todo o processo com maior praticidade. Entre os maiores benefícios de ter a logística integrada estão:

  • Planejamento eficiente
  • Cotação de preços e prazos de frete
  • Controle de entrega de produtos
  • Redução de custos
  • Otimização de tempo

Integração para vender mais

Com tantos novos sellers no mercado de e-commerce, a Black Friday é além de uma oportunidade também um grande desafio. A experiência de compra deve ser pensada em todas as suas fases, pensado na jornada de compra desde a pesquisa até a entrega do produto.

É importante que o lojista conheça o perfil do seu cliente para engajar ele nas melhores estratégias de venda e conectar desejo de compra e os produtos à venda. O sistema de gestão ERP online auxilia na integração dos processos e estabelece organização e cuidados internos, fazendo com que o empreendedor possa ter tempo para pensar no negócio de forma criativa, não somente cumprir tarefas automáticas. Se ainda não é cliente Bling, utilize o cupom #wirecard, faça um teste grátis por 90 dias e confira na prática os benefícios de utilizar um sistema de gestão ERP que trabalha em favor do seu negócio.

Vantagens de integrar um ERP com meio de pagamento

Seja para vendas física ou online, optar pelo uso de um meio de pagamento é uma boa estratégia para organizar o financeiro de uma empresa. Com o uso destas soluções, fica mais fácil identificar os pagamentos recebidos, tornando o dia a dia do lojista mais prático.

Com este conteúdo, você vai aprender o que é um meio de pagamento e como sua integração com um ERP pode ajudar na rotina da empresa, tornando-a otimizada. Boa leitura.

O que é um meio de pagamento?

Para entender o que é um meio de pagamento, é preciso visualizar dois cenários:

  1. Para o lojista, um meio de pagamento corresponde a forma que ele vai receber os valores das compras realizadas pelos clientes;
  2. Para o cliente, o meio de pagamento se refere a forma com que ele vai pagar as compras que fizer. 

Entre estes meios de pagamento, podemos destacar alguns mais utilizadas, como boleto bancário, cartão de crédito e cartão de débito. 

Para facilitar a troca de informações financeiras entre o lojista e o comprador, existem empresas que fornecem soluções de pagamento, trazendo mais facilidade nas transações. Estas soluções podem ser adquirente, subadquirente ou gateway de pagamento, e permitem a integração com um ERP, para que os processos sejam facilitados. 

Adquirente

São empresas que processam as transações realizadas com cartões de crédito e débito, seja no e-commerce ou em lojas físicas. 

Quando uma compra é realizada, o adquirente verifica com o banco se há saldo, para compras no débito, ou limite no crédito, para que a compra seja aprovada. As adquirentes cobram taxas para realização do processo, e para compras parceladas, as taxas costumam ser mais altas.

Estas empresas não oferecem serviços de gateway de pagamento, sistema que processa o pagamento e nem sistema antifraude para garantir a segurança das compras. 

Subadquirente

São empresas que realizam a intermediação dos pagamentos, responsáveis por recolher todos os dados dos clientes para enviar ao adquirente para que seja realizada a liquidação dos valores. 

O serviço oferecido por um subadquirente é mais completo, com gerenciamento antifraude e gateway de pagamento, sem necessidade de envolver um banco, o que diminui a burocracia e facilita o dia a dia do lojista. Com tudo em um só lugar, os custos de contratação podem ser menores. O Moip é um exemplo de solução subadquirente.

Gateway

O gateway é o responsável por realizar a troca de dados (número do cartão, nome do comprador e código de verificação) entre o lojista e o adquirente, de forma criptografada e segura. 

Vantagens de integrar o meio de pagamento com um ERP

Integrar as soluções de pagamento com um ERP traz algumas vantagens para a rotina dos lojistas. Vamos citar algumas delas:

Automatização dos processos

A automatização da rotina é um dos principais benefícios desta integração. Quando o ERP está conectado ao meio de pagamento, consegue realizar a conciliação dos pagamentos, para que não seja necessário acessar a conta bancária para confirmar os pagamentos realizados.

Dessa forma, o lojista também não precisa efetuar a baixa conta por conta. A conciliação identifica as contas a receber que foram pagas e as contas ficam atualizadas e organizadas no ERP.

Se tratando de um e-commerce, sempre que um pedido de venda é importado para o ERP, é criado um vínculo com o meio de pagamento escolhido pelo clientes, e conforme o pagamento for aprovado, o status da compra muda e o lojista pode seguir com o envio das mercadorias. 

Oferta de mais opções aos clientes

Quem compra online, sabe que um dos fatores decisivos para finalizar uma compra é que o site ofereça o meio de pagamento que deseja utilizar. 

O meio de pagamento integrado permite que o lojista ofereça múltiplas formas de pagamento para os clientes, evitando a perda de vendas.

Controle sobre as vendas

Controlar todos os pagamentos recebidos de forma manual pode ser uma rotina trabalhosa. Além de tomar tempo do lojista, há possibilidade de erros na hora de dar baixa nas conta a receber.

Sem a integração do meio de pagamento com um ERP, é preciso controlar as vendas em um local e os pagamentos em outro. Além disso, a integração permite a configuração das taxas, tarifas e prazos dos meios de pagamento, facilitando o controle do lojista.

Manter estas informações centralizadas facilita a geração de relatórios financeiros, para que a empresa saiba qual a situação que se encontra.

Evita erros

O controle financeiro é uma rotina importante para qualquer empresa. Evitar os erros causados pela má administração das contas é fundamental para a saúde financeira. Quanto mais automatizado este processo estiver, melhor serão as análises das finanças.

Reduzir a intervenção humana no controle dos recebimentos é uma das formas de evitar erros. A conciliação bancária, por exemplo, é feita de maneira simples dentro de um ERP, sem depender de uma pessoa para verificar os pagamentos no banco. 

Entre alguns possíveis erros que podem ser evitados com a integração, podemos destacar: 

  • erros de digitação
  • esquecimentos na hora de baixar as contas
  • receber o pagamento por uma conta e dar baixa em outra
  • furo de caixa, ao baixar as contas com o meio de pagamento errado

Importante ressaltar que, no e-commerce, é preciso mapear corretamente o meio de pagamento, tanto no ERP quanto na plataforma escolhida. Assim, os pagamentos serão identificados da forma correta.

Reduz tempo 

Sem a necessidade de conferir o pagamento de todas as contas a receber, o lojista tem mais tempo para se dedicar em outras tarefas, como administração de pessoal e das vendas. 

A automatização é uma grande aliada na performance das lojas virtuais, pois deixando este processo mais ágil, os pedidos são aprovados com mais rapidez e já podem seguir para a separação de produtos e envio das encomendas.

Conclusão

Utilizar um meio de pagamento facilita o dia a dia da rotina financeira de uma empresa. A identificação dos pagamentos se torna mais fácil, as contas ficam organizadas e sobra mais tempo para as demais atividades.

Escolha um solução para meio de pagamento e integre a um sistema como o Tiny ERP. Você vai poder centralizar as informações de pagamentos e facilitar a conciliação bancária, para que erros financeiros não sejam cometidos.

Se quiser conhecer mais o Tiny, clique no botão abaixo e crie sua conta.

Vantagens de integrar um sistema de ERP no seu e-commerce

Muito se discute quando falamos em crescimento sustentável. Definitivamente ter controle dos diferentes setores de uma empresa é algo muito importante e fundamental para o desenvolvimento de um negócio, embora controlar diferentes processos não seja uma tarefa tão simples. Justamente, devido a essa necessidade, surgiram alguns sistemas de gestão integrado. Já ouviu falar em sistema de ERP (Enterprise Resource Planning)? Ele tem o objetivo de integrar todas as áreas, contribuindo na administração geral, assim a dispersão de dados e erros humanos podem ser evitados.

Afinal, o que é ERP?

O ERP é um sistema que absorve, trata, automatiza e integra informações de diferentes setores e etapas do processo administrativo e gerencial de uma organização, seja ele: financeiro, logístico, vendas, estoque, produção, marketing, importação e exportação etc… Existem inúmeras vantagens de possuir um sistema de ERP integrado à sua empresa, com ele, as informações trafegam livremente entre os departamentos sem interrupções. Citaremos algumas vantagens em integrar um sistema de ERP ao seu e-commerce.

infografico-erp

Controle de estoque

Um grande benefício de um sistema de ERP integrado à sua loja virtual é o controle de estoque e vendas. Com ele é possível identificar quais produtos possuem maior demanda, através de relatórios de venda. Assim, fica mais fácil organizar suas compras e atender melhor seus clientes, tanto na página do e-commerce, quanto em pontos de loja física e marketplaces.

Notas fiscais e NFe

Conforme sua empresa vai crescendo, algumas tarefas precisam ser automatizadas, a emissão de notas fiscais, por exemplo, acaba se tornando uma tarefa bastante demorada e passível de erros humanos. Com a integração de um sistema de ERP, basta configurar uma tabela com os valores de impostos e ele calculará automaticamente, gerando uma nota fiscal referente a cada produto, acelerando o processo de vendas.

Controle de contas

Uma ótima forma de controlar as contas a pagar e o fluxo de caixa, o sistema de ERP ainda facilita os prazos de pagamentos e recebimentos. Basta cadastrar as datas de vencimento no sistema. Dessa maneira, fica mais fácil controlar a receita de forma automatizada, para você focar no futuro do seu negócio.

Economia de tempo

Todos esses processos necessitam de tempo, quanto mais essas tarefas operacionais se tornam automáticas, mais tempo se tem para investir em marketing e focar no crescimento e planejamento do seu negócio.

Boleto bancário

Com a integração de um sistema de ERP no seu e-commerce, a tarefa de emitir um boleto bancário se torna quase automático, a plataforma oferece uma ferramenta que funciona como um mediador com o banco, agilizando nesse processo.

Já se convenceu das inúmeras vantagens de integrar um  sistema de ERP no seu e-commerce? Aproveite e assista ao webinar: Vantagens de ter um ERP integrado ao seu e-commerce.

 Não se esqueça de assinar a nossa newsletter e conferir mais dicas diretamente em sua caixa de entrada!