Como o checkout transparente impacta diretamente o seu negócio

O momento atual do setor de e-commerce é de muita competitividade, o que vem impulsionando a demanda por recursos que promovam uma boa experiência aos consumidores. Para se ter ideia, somente em 2020, 13 milhões de brasileiros realizaram sua primeira compra online. Apesar de ser um mercado promissor e em constante crescimento, é fundamental estar atento a soluções que destaquem o empreendimento da alta concorrência, como é o caso do checkout transparente. 

Se você tem dúvidas sobre o conceito, ele consiste basicamente no processamento do pagamento de um e-commerce realizado dentro do próprio site, ao contrário do processo padrão que redireciona para outra plataforma, gerando desconfiança e insatisfação, o que acaba por afastar clientes. 

Aliás, essa não é uma tarefa difícil. Para se ter ideia, conforme pesquisa da Ve Interative, a taxa média de abandono de carrinho no Brasil é de 83%. Ou seja, se a sua loja virtual não estiver bem preparada, no que envolve o checkout, as chances de perder consumidores para a concorrência é grande. 

Como a falta de um checkout transparente afeta as vendas de um negócio

Imagine que você está navegando em um e-commerce e, ao finalizar a compra e ir para o carrinho, precisa preencher um formulário extenso ou é direcionado para uma página que já não faz parte da loja. Muito provavelmente, iria se questionar sobre a questão, ou mesmo desistiria do site, concorda? 

Pois é justamente isso que acontece com grande parte dos consumidores. Nesse contexto, a falta de um checkout transparente pode acarretar negativamente em diferentes aspectos. Alguns deles são:

Desconfiança da credibilidade e segurança da loja: por mais que as pessoas estejam cada vez mais acostumadas ao universo online, é muito comum que desconfiem de sites onde os processos não são bem claros, o que desfavorece a vontade de se tornar cliente;

Maior abandono de carrinho: se a taxa de abandono de carrinho já é grande entre os consumidores, quando um e-commerce deixar de investir em um checkout transparente, o qual impacta diretamente no receio sobre a segurança dos dados pessoais, ela tende a se tornar cada vez maior; 

Experiência ruim do cliente: nunca foi tão importante priorizar as percepções dos consumidores como nos dias de hoje. Afinal, a concorrência só aumenta, na mesma medida em que as exigências por uma ótima experiência acompanham essa tendência. Se uma loja virtual não tem isso em mente, a satisfação dos seus clientes fica comprometida;

Baixa conversão de vendas: ao se oferecer uma boa experiência de compra, automaticamente o abandono de carrinho é minimizado e as conversões de vendas aumentam. Ou seja, isso significa lucratividade.

Como o Moip potencializa os processos de pagamento do seu negócio

O Moip foi pioneiro na tecnologia de checkout transparente e trouxe essa inovação para o mercado. O sistema oferece a opção de integrar diretamente o seu site por meio da própria API ou das plataformas parceiras. Isso significa uma melhor experiência para o seu cliente e maior conversão para o negócio. Para saber mais sobre a solução, entre em contato com a nossa equipe.

Nova call to action

Abandono de carrinho: veja 5 maneiras de reverter essa situação

Não bastasse os desafios do empreendedor para fazer os clientes chegarem ao seu e-commerce e visualizarem seus produtos, ele também precisa lidar com uma questão que tira o sono de quem trabalha com o comércio eletrônico: o abandono de carrinho. E esse preocupação toda tem um bom motivo: pesquisas apontam que cerca de 70% dos compradores abandonam as compras antes da conclusão, sendo os custos extras um dos principais motivos.

Mas não é somente as taxas que aparecem ao fim da negociação, como o custo do frete, que fazem o consumidor desistir de uma aquisição. A empresa de transportes e entrega global UPS, realizou uma pesquisa na qual encontrou mais razões para o abandono de carrinho, sendo as principais:

  • Tempo de entrega muito longo: muitas pessoas não estão dispostas a aguardar semanas para receber um pedido e acabam desistindo da compra. Às vezes, isso ocorre porque o consumidor precisa do produto antes do prazo estimado.
  • Item esgotado: ainda há e-commerces que insistem em não deixar claro que um produto está esgotado logo na vitrine, decepcionando o cliente no checkout. Essa desistência é uma das piores, pois pode ser também um abandono da marca.
  • Pagamento preferencial não disponível: quanto mais meios de pagamento você disponibilizar, mais chances o seu e-commerce tem de vender. Lembre-se que nem todos tem acesso a cartão de crédito ou querem usá-lo.

Mas nem tudo está perdido. É possível reverter essa situação e recuperar boa parte dos carrinhos abandonados. Venha com a gente e veja algumas ações que podem ser feitas para reconquistar os seus clientes!

Soluções para reverter o abandono de carrinho

Sem muita enrolação, listamos aqui 5 soluções para você reverter o abandono de carrinho. Algumas podem ser implementadas de forma mais imediata no e-commerce, como a inclusão da ferramenta para o cálculo de frete, outras precisam de um pouco de análise, como mudanças na forma de cobrar pelo envio. E ainda existem aquelas que dependem de terceiros, como a inclusão de novas formas de pagamentos.

Porém, todas elas são totalmente possíveis de serem incorporadas à sua loja online e trazerem muitos benefícios. Confira!

1 – Reveja suas estratégias de frete

Sabendo que o valor do frete pode interferir no checkout, é essencial rever as estratégias de cobrança. Se for possível para o seu e-commerce, ofereça frete grátis. Se não for, é necessário que isso fique claro para o consumidor. Uma boa alternativa é colocar a ferramenta para o cálculo do frete nas páginas dos produtos, assim, o comprador pode verificar o valor do envio junto com o do produto. Uma comunicação honesta é sempre bem-vista pelos clientes.

Uma opção que está sendo bastante usada para equilibrar a situação é garantir o frete grátis para compras a partir de um determinado valor. Conforme o comprador vai incluindo itens no carrinho de compras, um indicador vai apontando quanto falta para atingir a meta. Quando chegar ao valor necessário, ele mostra que, a partir daquele momento, o frete é grátis! Além de construir uma relação mais justa e transparente com o consumidor, você ainda tem a oportunidade de vender mais!

2 – Trabalhe com entrega rápida

Como vimos, o tempo de entrega também é um dos principais fatores que influenciam no abandono de carrinho, por isso é preciso dar atenção especial para ele. Assim como no caso do frete, mantenha uma comunicação clara sobre os prazos, mas trabalhe sempre para ser o mais ágil possível ― nada cativa mais o consumidor do que receber um produto antes do esperado, fique certo disso!

Então, ofereça diferentes maneiras de entregar a mercadoria, como Correios e transportadora. Se estiver na mesma cidade, aposte em serviços de motobikes e mototáxis, por exemplo. Muitas vezes, uma boa alternativa é deixar o próprio comprador escolher o tipo de transporte, mostrando o tempo de espera e os valores conforme as opções disponíveis.

3 – Retire obstáculos do caminho do cliente

O consumidor online quer praticidade e, com certeza, um formulário enorme não traz isso, certo? Então, quanto mais você puder facilitar para ele, melhor. Foque no que é extremamente necessário para o momento: nome completo, CPF, endereço de entrega e cobrança, e-mail e telefone de contato. Assim, ele pode passar para o pagamento sem perder o interesse pelo produto

Aqueles outros dados que vão fazer você conhecer melhor o cliente, como data de nascimento, preferências de consumo, quantas vezes já comprou online, entre outros, podem ser adquiridos com o tempo, por meio de campanhas de e-mail marketing, por exemplo. Assim, você pode explicar o motivo de estar perguntando, oferecer uma compensação, com um cupom de desconto e ir criando uma afinidade de forma mais tranquila, sem a pressão de uma compra.

4 – Facilite o checkout

Na esteira do formulário, temos o checkout. Da mesma forma que o comprador quer um cadastro sucinto, ele também quer finalizar sua compra da maneira mais rápida e prática possível. Nada de ficar repetindo informação, trocando de páginas, saindo do seu e-commerce para outro site de pagamento. Facilite o checkout, caso contrário, ele vai procurar quem o faça.

A melhor forma de fazer isso é apostar no Checkout Transparente, uma tecnologia desenvolvida para facilitar as transações feitas em um e-commerce, de maneira segura, rápida e inteligente. Com ela, os clientes conseguem:

  • Fazer o pagamento totalmente no site ou loja online: o cliente fica no ambiente do e-commerce ou site durante todo o processo de compra, sem a necessidade de cadastro ou páginas intermediárias de pagamento.
  • Comprar com apenas 1 clique: na primeira compra, é possível optar por salvar os dados do cartão de crédito. Dessa forma, nas próximas aquisição, não é preciso digitar todos os dados de pagamento novamente. Isso torna o processo de compra muito mais simples e ágil.

Para saber mais sobre o Checkout Transparente, clique aqui e leia um artigo que fizemos especialmente sobre o assunto em nosso blog!

5 – Dê opções de pagamento variadas

A falta de pluralidade na hora de escolher o meio de pagamento é outro grande responsável pelo abandono do carrinho. Então, cuidar desse item deve estar entre as prioridade, especialmente porque, em alguns casos, implementar novas opções de pagamento dependem de negociações e liberações de terceiros.

Cartão de crédito é obrigatório, com no mínimo as bandeiras principais: Visa, Mastercard, Elo, Hipercard, American Express. Para você ter uma ideia, só essa forma de pagamento movimentou R$ 323,5 bilhões no e-commerce em 2019. Tente negociar com seus fornecedores as melhores condições para poder oferecê-las aos clientes.

Além dele é importante disponibilizar também cartão de débito, débito em conta e transferência bancária. Para aqueles que preferem não envolver o banco, é fundamental dar a alternativa do boleto. E não esqueça das carteiras digitais, como Apple Pay e Mercado Pago.

Com essas 5 ações, é possível reverter boa parte do abandono de carrinho e fazer com que os rendimentos do seu e-commerce cresçam. Porém, nem sempre a compra não é finalizada porque o consumidor desistiu. Pode acontecer o que chamamos de transação cancelada.

Como lidar com uma transação cancelada?

Ter uma transação cancelada é frustrante tanto para o comprador quanto para o lojista. No entanto, muitas vezes ela é necessária, pois envolve uma suspeita de fraude. Aqui no blog, já explicamos em detalhes os motivos para o cancelamento de uma compra. Agora, vamos mostrar que isso não é o fim da linha e que é possível recuperar parte desses clientes.

É claro que aqueles contatos que ficam registrados como sendo das transações canceladas por motivo de fraude devem ser abandonados. Ou melhor, você pode criar um banco de dados com eles para ter sempre um sinal de alerta quando eles surgirem novamente na sua loja online. Assim, fica fácil saber para quem não vender.

Já os outros clientes, especialmente os que tiveram as compras canceladas pela operadora do cartão por um preenchimento errado ou por um valor que não condiz com os hábitos de consumo, devem ser procurados. Entre em contato, de uma forma amigável, para saber o que aconteceu e ofereça ajuda. Lembre-se de que, todos os dias, novos consumidores ingressam no mundo das compras online e nem sempre sabem como ele funciona.

Pode ser que o seu comprador tenha tido a transação cancelada e nem saiba exatamente por que e nem como resolver. Essa é a sua chance de orientá-lo e mostrar que a sua marca é mais do que um catálogo em um site. Pode ter certeza que ele nunca vai esquecer sua ajuda e na hora de comprar novamente, é do seu nome que ele vai lembrar primeiro.

Outra maneira legal de agir com esse cliente é manter as mesmas condições de preço e pagamento do momento da transação cancelada. Dessa forma, ele pode sentir que não foi prejudicado pelo cancelamento e você consegue fechar a venda. Todos ganham, certo?

Bom, para poder fazer todas as ações que citamos neste artigo e garantir um atendimento de excelência ao cliente, é preciso contar com soluções que possibilitem isso, como as que são oferecidas pela Wirecard. Uma delas nós já citamos ao longo do texto: o Checkout Transparente, que garante uma taxa de aprovação de vendas online de até 98,5%.

Mas não é só isso. Nós também temos uma solução completa de pagamento para a sua loja online, que aceita todas as formas de pagamento, tem serviços financeiros integrados para a administração do seu negócio e ainda oferece uma robusta tecnologia para gestão de risco de antifraude com análises automática e manual.

Tudo isso para que você recupere o máximo de clientes possível e torne os resultados do seu e-commerce cada vez mais positivos! Acesse o nosso site e saiba mais sobre as nossas soluções. E se você tiver alguma dúvida, entre em contato com a gente. Nossa equipe está à disposição para ajudar!

Checkout Transparente será um diferencial na Black Friday 2020

“Black Friday, aquela disputa virtual de cliente, seu concorrente com ofertas em evidência, você investindo tudo que pode para gerar tráfego, interesse, cliente comprando e por enquanto tudo certo….. o carrinho vai enchendo até que na hora de pagar….. COMO ASSIM O CLIENTE ABANDONOU O CARRINHO? Mas a Black friday é só hoje, mas eu fiz tudo certo, investi em mídias pagas, coloquei nas redes sociais, fiz até frete grátis!”

Se reconhece? Já passou por isso? Para quem empreende no e-commerce abandono de carrinho é um pesadelo. Ele é um dos maiores vilões da compra online e principalmente motivado pela insegurança dos consumidores.

De acordo com um levantamento feito pela Konduto, o Brasil segue como um dos líderes globais em crimes cibernéticos. Só em 2019, foram evitadas fraudes que causariam mais de R$ 5 bilhões de prejuízo às empresas. Mais do que justificada a insegurança, mas existem ferramentas que ajudam e diminuem muito essa insegurança e claro, resultado direto na diminuição de abandono de carrinhos.

A essa altura, você já ouviu falar de Checkout transparente né? Basicamente a forma de realizar pagamentos no próprio ambiente da loja online, ou seja, sem telas, páginas intermediárias ou redirecionamentos.

Então qual é o grande benefício?

Esse simples fato de manter o consumidor na mesma página na hora de realizar o pagamento tira insegurança, impaciência e desconfiança do cliente; e o resultado disso é tranquilidade para incluir os dados pessoais e bancários e finalizar a compra.

Mas não para por aí, com essa ferramenta você tem a possibilidade de personalizar o nome que vai aparecer na fatura do cartão/boleto do seu cliente. Ou seja, ao invés de encontrar um nome de quem está processando o pagamento, seu cliente verá o nome da sua loja, o que evita solicitações de não reconhecimento, o famoso chargeback e ainda garante uma relação mais amigável entre a sua marca e seu cliente.

Portanto, pense sempre na experiência do consumidor no seu site, desde a navegação pela página até a experiência de compra dele, todos os detalhes relacionados a jornada de compra podem ser decisivos.

Mas o que muda especificamente na Black Friday 2020?

O início da pandemia trouxe um aumento exponencial no consumo online, só no Brasil o e-commerce aumentou 56,8% nos primeiros cinco meses de 2020. Além disso, os pedidos delivery cresceram 27%, segundo pesquisas apresentadas por Anthony Long da Philip Morris International no Forum Ecommerce Brasil – Global Edition.

Esses dados mostram que os consumidores brasileiros estão a cada vez mais adaptados e receptivos a realizar compras na internet.

Em pesquisa realizada pela Rakuten Advertising, 86% dos consumidores disseram querer priorizar compras online na Black Friday e Natal em 2020. Ainda segundo a Rakuten: “Vimos muitos brasileiros optando pelo comércio eletrônico pela primeira vez”, ou seja, nessa Black Friday será ainda mais importante oferecer boas experiências de compra online. Pode ser a primeira vez para muitos consumidores que com uma boa experiência em sua loja, tem alta probabilidade de repetir as compras já no Natal.

A Black Friday é um momento de grande disputa no qual os clientes pesquisam as melhores ofertas e os lojistas se preparam para oferecer as melhores condições e experiência de compra, o que significa que o diferencial é concretizar todas as vendas possíveis, ainda mais nesse cenário de mais opções disponíveis.

Neste cenário de maior disputa, mais consumidores podem ficar receosos e inseguros já que são novatos nesse segmento. Isso significa que vão ter pessoas demandando mais garantias de segurança, outras vão pedir por recomendações de amigos e familiares, outras olharão sites como o ReclameAqui, e assim por diante. Por isso é tão importante que o seu site conte com tecnologias que ajudem a entregar a melhor experiência possível.

Checkout Transparente Wirecard Brazil

Pioneira em recebimento de pagamentos online e checkout transparente na América Latina, a Wirecard Brazil foi a primeira empresa de pagamentos a disponibilizar essa funcionalidade.

Para se preparar para a Black Friday 2020 comece integrando com a nossa a ferramenta Checkout transparente Wirecard Brazil! Garanta a melhor experiência de compra de forma segura, rápida e descomplicada.

Não importa qual o seu modelo de negócio, essa é a solução ideal para lojistas aumentarem suas vendas. Nesta Black Friday foque no mais importante: SEU NEGÓCIO e SUAS VENDAS!  Deixe a gestão de risco e o relacionamento com adquirentes, gateways, bancos e bandeiras com a gente.

Integrando com a gente você passará a aceitar todos os meios de pagamento, com um único contrato e processo de integração, além de vantagens exclusivas.

  • Um contrato, uma integração;
  • Maior taxa de aprovação de vendas online do Brasil: 98,5%;
  • Integração direta do seu site com a nossa API ou das plataformas parceiras;
  • Atendimento humanizado;
  • Solução Completa:
    • Sistema Antifraude;
    • Conta digital
    • Adiantamento;
    • Sem mensalidade.

Ferramentas essenciais para seu e-commerce

Se formos pensar no trabalho como um todo, ter uma loja online é menos complicado do que ter um comércio físico, principalmente porque não é preciso ter um local exclusivo para montar a empresa. No entanto, empreender no mundo digital exige habilidades e conhecimentos tecnológicos específicos que, de forma geral, podemos reunir em uma lista de ferramentas essenciais para o e-commerce funcionar.

Para facilitar a compreensão, vamos dividir essa lista em duas partes. A primeira será mais técnica e apresentará as soluções necessárias para a construção de um site de comércio eletrônico, como o serviço de hospedagem, a plataforma, a solução de pagamento, entre outras. Sem essas ferramentas, não existe e-commerce.

Em um segundo momento, vamos listar recursos cujo objetivo é melhorar os resultados da loja online. Ou seja, são dispositivos que você pode usar no seu comércio eletrônico para atrair compradores, vender mais e fidelizar clientes, como blog, e-mail marketing e até um sistema de gerenciamento de clientes (CRM). Siga com a gente e confira!

Ferramentas essenciais para o e-commerce: as obrigatórias

Como dissemos, sem essas ferramentas não é possível colocar um site de comércio eletrônico no ar. São elas que dão a base para a sua loja online atender aos clientes de forma satisfatória e mantém o seu e-commerce funcionando. Então, tenha muita atenção na hora de escolher cada uma delas e não se guie pelo valor mais baixo, mas sim pelo serviço que atenda às necessidades do seu negócio.

Veja quais são as ferramentas essenciais e obrigatórias para o e-commerce:

1 – Serviço de hospedagem

Tudo começa com o serviço de hospedagem, pois é ele que permite que o seu site fique no ar e também que tenha um domínio. Só para você ter uma ideia, é essa ferramenta que faz o seu site sem manter no ar quando tem um elevado número de acessos durante datas comemorativas ou nos dias de promoções.

Por isso, na hora de escolher, é importante prestar atenção em alguns detalhes. O primeiro, claro, é saber se o serviço está preparado para hospedar um e-commerce, que traz junto com ele toda uma bagagem, como as soluções de pagamento, o carrinho de compras, um vitrine de produtos, entre outros pontos.

Depois, vem a questão da segurança. Um comércio eletrônico vai lidar com informações financeiras dos clientes e, necessariamente, precisa oferecer um lugar confiável para as pessoas comprarem. Então, confira quais são os níveis de segurança oferecidos pelo serviços de hospedagem e se eles são satisfatórios para o seu negócio.

Outra questão importante é entender quais programas e linguagens de programação são compatíveis com o serviço de hospedagem, para que tudo funcione corretamente. E por último, mas não menos importante, qual o volume de tráfego que o serviço atende sem apresentar problemas, como lentidão ou travamento.

2 – Plataforma de e-commerce

Se o serviço de hospedagem é o que vai manter o seu site no ar, a plataforma de e-commerce é o sistema que vai permitir tanto a visualização da sua loja online quanto o seu gerenciamento. É por meio dela que você vai criar o layout do seu comércio eletrônico, montar a vitrine com os produtos, fazer a gestão do estoque e dos preços, além de outras funções que fazem parte do dia a dia. 

Aqui também é importante ficar atento a alguns detalhes na hora de buscar por uma plataforma, para garantir que ela atenda todas as necessidades do comércio virtual. Entre os tópicos mais importantes, podemos destacar:

  • Atendimento ao nicho de mercado: verifique se a plataforma oferece as ferramentas que você precisa para montar uma vitrine de produtos adequada ao seu tipo de negócio.
  • Segurança: hoje é praticamente um padrão o uso do certificado de segurança SSL (Secure Sockets Layer), pois é um dos mais confiáveis do mercado. Se a plataforma não oferecê-lo, é melhor procurar outra ferramenta.
  • Suporte: procure um fornecedor que tenha infraestrutura confiável, intuitiva, completa e que possua experiência de mercado, atendendo outros e-commerces de portes e segmentos diferentes. Também fique atento aos canais de atendimento, como e-mail, telefone e chat online.
  • Personalização: quanto mais personalizável for a plataforma, melhor, pois isso lhe dará total autonomia no processo criativo, o que é muito importante para o crescimento da sua loja virtual.
  • Integrações: uma boa plataforma precisa dar opções para integrações importantes tanto para as vendas, como soluções de pagamentos e carrinho de compras, quanto para a análise de resultados, como o Google Analytics.

3 – Solução de pagamentos

E-commerce no ar, loja montada com visual atraente e sistema de gestão pronto para operar. Chegou a hora de encontrar a solução de pagamento ideal para garantir a sustentabilidade do negócio. Há diversos tipos de meios de pagamentos disponíveis para o comércio digital hoje em dia, por isso, no momento de escolher, é preciso saber exatamente como eles funcionam, a diferença entre eles e as vantagens e desvantagens que podem trazer para o seu negócio.

Para ajudar você a entender quais são esses meios de pagamentos para e-commerce, quais são suas particularidades e o que pode ser melhor para o seu negócio, separamos alguns artigos que vão esclarecer o assunto:

A nossa dica principal é escolher uma solução que possa ser integrada diretamente à sua plataforma de e-commerce. Dessa forma, o cliente não vai precisar sair do seu site para finalizar a compra, o que gera mais confiança e melhora a experiência final, aumentando o número de vendas.

4 – Carrinho de compras

Geralmente, o carrinho de compras já está dentro da plataforma de e-commerce, mas isso não significa que você não pode personalizar o seu para deixá-lo mais ágil e fácil de usar, melhorando as chances de fechar uma venda e evitando o abandono delas. A prioridade é escolher um sistema que permita ao visitante do seu site passar pelo processo de compra sem nenhum problema. 

Diante disso, os principais itens a serem levados em conta na análise de um software de carrinho de compras são estabilidade, agilidade e facilidade de uso. Se o consumidor, ao clicar em comprar, for levado para um carrinho complicado, cheio de regras e que o impeça de chegar à finalização com rapidez, as chances de ele desistir e abandonar a sua loja são grandes.

Ferramentas essenciais para o e-commerce: as estratégicas

Agora que vimos quais são as ferramentas obrigatórias para iniciar e manter uma loja online aberta, vamos conhecer aqueles instrumentos que irão ajudar o seu e-commerce a prosperar. No geral, o objetivo deles é fazer com que o seu comércio eletrônico seja mais conhecido na internet, aumente as vendas, fidelize os clientes e, consequentemente, amplie a rentabilidade.

Uma característica bem interessante de alguns desses recursos é que eles são gratuitos. Isso é muito bom para quem está iniciando um negócio online e ainda não pode investir muito dinheiro em ferramentas pagas. Porém, nem sempre é possível depender somente disso. Em alguns momentos será necessário fazer investimentos. Vamos às ferramentas estratégicas:

1 – Blog

Atualmente, o blog é um tipo de site bastante conhecido e, quando bem feito, só traz vantagens para o e-commerce. Ele pode ser usado como porta de entrada nos buscadores, como o Google, quando o SEO é trabalhado da maneira correta. Usando estratégias de marketing de conteúdo, os textos do blog podem converter os visitantes em clientes, além de trazer mais confiabilidade à sua marca.

Digamos, por exemplo, que você tem uma loja de materiais para jardinagem, desde adubo e plantas até móveis e decorações. No blog, você pode dar orientações técnicas sobre como montar um jardim e cuidar das plantas e também dicas de como organizá-lo com estantes e floreiras. Ao longo dos textos, para mostrar a experiência do seu e-commerce, pode indicar que vende esses produtos e colocar um link direto para a página de checkout.

2 – E-mail marketing

O e-mail marketing é uma das principais ferramentas de comunicação com o público e funciona como mecanismo estratégico de conversão de clientes no e-commerce. Ele possibilita a realização de campanhas de marketing digital, auxiliando tanto na divulgação da marca e dos produtos quanto na na captação de novos leads e no aumento das vendas.

Você pode fazer uma campanha de e-mail marketing, por exemplo, para avisar os cliente mais fiéis sobre a chegada de uma nova coleção com exclusividade. Ou escolher determinados consumidores, que você sabe que gostam de um produto específico, pois estudou sua clientela, e oferecer a eles um desconto especial para queima de estoque.

3 – Chat online

Hoje em dia, um bom e-commerce que se preze tem um chat online para atendimento digital. Podemos dizer que esse serviço é o equivalente ao vendedor no atendimento presencial e, quanto mais tempo for possível deixá-lo em operação, melhor ― dificilmente haverá alguém online 24 horas por dia, 7 dias por semana, mas ter horário ampliado já é uma vantagem.

Uma alternativa que já vem sendo bastante usada são os chatbots, programas de computador que usam inteligência artificial para imitar conversas com os usuários. Esses robôs não terão todas as respostas, claro, mas conseguirão interagir com os consumidores em qualquer período e, por meio de mensagens de texto automatizadas, poderão orientá-los sobre o que fazer e o quanto aguardar, se for o caso.

Dessa forma, o seu e-commerce garante que o cliente ou o potencial cliente tenha um bom atendimento, independentemente do horário, o que é o mais importante, porque ninguém gosta de ficar esperando. Quem deixa isso acontecer corre o risco de perder o negócio, o cliente e até mesmo a reputação, algo que é bastante difícil recuperar.

4 – CRM

O Customer Relationship Management (CRM) pode ser traduzido como um sistema de gestão do relacionamento com o cliente. Sua função é coletar, armazenar e processar os dados dos consumidores para que o dono do negócio posso conhecê-los cada vez mais e melhor. Para um e-commerce, que não tem contato pessoal com o cliente, esse tipo de ferramenta é essencial para tentar entender quem são as pessoas que compram seus produtos.

Mas não é só isso. Com a evolução dos sistemas, os CRM já oferecem inúmeras funcionalidades que podem ajudar no dia a dia, como funções automatizadas de marketing, que facilitam o contato com a base de clientes e, por consequência, melhoram o atendimento. Também já existem aqueles que fazem integração direta com os chats online e, inclusive, com as plataformas de e-commerce, facilitando toda a operação. 

5 – Google Analytics

O Google Analytics não está diretamente ligado ao atendimento ou à fidelização do cliente. Ele funciona como uma ferramenta de análise e avaliação de todas as atividades que ocorrem dentro do seu e-commerce. Com ele você vai saber, por exemplo, quais produtos são mais visualizados, quais informações são mais buscadas no blog e quantos visitantes abandonam o carrinho sem finalizar a compra.

Podemos dizer que o Analytics é o vigia do seu comércio eletrônico, pois nada acontece sem que ele registre para que depois você possa verificar. Afinal, é impossível para uma pessoa controlar o que ocorre em um site 24 horas por dia, 7 dias por semana, certo? Por isso, como falamos, é importante procurar plataformas, soluções e softwares que façam a integração com ele, assim é possível ter total controle de tudo o que acontece no e-commerce.

Conte com a Wirecard

Bom, chegamos ao fim da nossa lista de ferramentas essenciais para o e-commerce funcionar de forma eficiente e esperamos que ela seja bastante útil para você que está pensando em abrir a sua loja virtual ou até mesmo buscando melhores resultados para o seu negócio. Aqui tem dicas que podem ser revisitadas sempre que tiver necessidade.

E se precisar de uma solução de pagamentos completa, que suporta todas as etapas de uma venda online, estamos aqui para ajudar. Nós descomplicamos os pagamentos e entregamos tudo em um só serviço. Com a solução da Wirecard Brasil, você vende e recebe com a segurança de nossa gestão de risco , além de gerenciar suas transações com tranquilidade, sem precisar de um banco ou intermediário.

Se quiser saber mais sobre a nossa solução de pagamentos, entre em contato ou acesse nosso site. Reforçamos nosso compromisso com os clientes e deixamos nosso time à disposição para ajudar você nesse momento. Confira a campanha “Conte com a Wirecard” e, como ela bem indica, conte com a gente!

Checkout transparente: entenda o que é e as vantagens dessa solução

Quem empreende no e-commerce sabe que o abandono de carrinho é um grande desafio para esse segmento. Há muitos motivos que levam os consumidores a desistirem da compra na hora H e, entre os mais comuns, estão os problemas no checkout, ou seja, no processo de finalização da transação. A boa notícia é que você pode contar com uma alternativa para enfrentá-los: o checkout transparente.

Por que é importante ter atenção ao checkout

Antes de falar sobre o que é checkout transparente e explicar todos os benefícios dessa solução, vamos contextualizar por que ela é importante. Bom, conforme o estudo E-commerce Trends 2018, 70,1% dos consumidores elencaram problemas na finalização da compra como os principais motivos para abandonarem o carrinho no comércio eletrônico.

Entre os entrevistados, 29,9% informaram que se sentiram inseguros quanto ao pagamento. Já para outros 20,8%, o problema foi o checkout confuso. Por fim, para 19,4% deles, a exigência de criação de uma nova conta foi o que causou o abandono da compra. Como podemos perceber, todos esses motivos têm relação com um checkout pouco eficiente.

Agora, pense com a gente: se 97,3% das pessoas entrevistadas na pesquisa disseram já ter abandonado um carrinho no e-commerce e 70,1% delas elencaram problemas no checkout entre os motivos que levam a essa atitude, é urgente pensar em maneiras de tornar o processo de finalização mais eficaz. Afinal, de nada adianta ter bons preços e produtos se o cliente não concluir a transação.

O que é preciso fazer para ter um checkout eficiente

Talvez agora você esteja se perguntando o que, de fato, é um checkout eficiente. Podemos dizer que tudo começa pela segurança garantida e transmitida ao consumidor. Isso porque, segundo relatório do SPC Brasil (Serviço de Proteção ao Crédito) e da CNDL (Câmara Nacional de Dirigentes Lojistas), apenas 20% dos entrevistados afirmam se sentir totalmente seguros para comprar online.

Ou seja, por mais que os investimentos em proteção para quem compra pela internet aumentem a cada ano, muitas pessoas ainda têm insegurança ao fazer compras no ambiente digital. Dessa forma, para aumentar as vendas no e-commerce, é fundamental não apenas garantir a segurança dos dados dos usuários, mas também transmitir essa sensação de segurança.

Para isso, ter uma página de pagamento com layout intuitivo e adequado, que dê visibilidade a todos os dados da compra do usuário, é um bom começo. Ainda sobre esse processo, o ideal é que o cliente nunca seja redirecionado a outras páginas durante o pagamento. Quando isso ocorre, ele pode se sentir inseguro, com a impressão de que algo está errado e, por consequência, cancelar a compra.

Opte, então, por um meio de pagamento online que faça toda a finalização de compra em uma mesma página, sem redirecionamentos e que, de preferência, seja personalizada com a marca do seu negócio. Com isso, os usuários se sentirão mais confiantes para finalizar a transação. Por fim, também é importante se atentar aos formulários a serem preenchidos pelos consumidores.

Quando uma loja virtual solicita muitos dados para finalizar uma transação, o cliente pode, mais uma vez, se sentir inseguro em relação à proteção das informações que registra no site. Além disso, entre as principais vantagens do e-commerce estão a praticidade e a rapidez ao comprar, outros motivos pra ninguém querer gastar muito tempo preenchendo formulários.

Como o checkout transparente pode ajudar

Como você sabe, para que as transações financeiras sejam realizadas no e-commerce é necessário contar com um meio de pagamento online, que pode ser um gateway ou um intermediador, como já vimos aqui no blog. A questão é que, no passado, quando as lojas virtuais começaram a atuar aqui no Brasil, essas ferramentas direcionavam o usuário para outra URL ao finalizar a compra.

Essa medida, como vimos no tópico anterior, pode fazer com que o cliente se sinta inseguro, ainda mais quando se trata de alguém sem experiência com as compras online. Por isso, em 2012, o Moip criou o checkout transparente, uma solução que ajuda a aumentar as vendas no e-commerce promovendo facilidades na finalização das transações.

Com o checkout transparente, o meio de pagamento online continua sendo o responsável por todo o gerenciamento da transação. A diferença é que o consumidor não é mais direcionado a uma página externa. O domínio da URL permanece inalterado durante toda a finalização da compra, trazendo a tranquilidade que o usuário precisa para concluí-la.

Aliás, o checkout transparente do Moip, por exemplo, possibilita que você personalize o carrinho conforme as suas preferências. Assim, você pode transmitir ainda mais segurança ao cliente a partir de um layout intuitivo, com a cara da sua loja online, e da divulgação de todas as informações sobre a compra de forma simplificada.

Dessa maneira, o usuário nem mesmo percebe que é o Moip quem está processando a transação e você continua contando com um meio de pagamento online seguro e eficiente. Outra facilidade é que o consumidor não precisa fazer nenhum cadastro além daquele que é necessário para você e nem passa por páginas intermediárias para concluir a compra.

Inclusive, o checkout transparente do Moip conta com a solução Compra por 1 Clique, em que o cliente pode cadastrar os dados na primeira compra e utilizá-los nas próximas transações sem precisar preencher todas as informações novamente. Essa medida também facilita o checkout, pois torna o processo menos complexo e muito mais rápido.

Por todos os benefícios do checkout transparente, estima-se que as lojas online que usam essa ferramenta têm uma taxa de conversão até 30% maior do que aquelas que não a utilizam, já que o abandono de carrinho acaba sendo muito menor. E vale lembrar que toda a operação é segura, tanto para quem compra quanto para quem vende.

Conte com o checkout transparente do Moip

Agora que você conhece os benefícios do checkout transparente para aumentar as vendas no e-commerce, sabe que um meio de pagamento online é essencial para melhorar esse processo na sua loja virtual. E nada melhor do que contar com a empresa pioneira nessa solução! No Moip, o checkout transparente vem acompanhado de muitas outras vantagens.

Alguns exemplos são o split de pagamento para marketplaces, a conciliação financeira, a maquininha de cartão para implementar a sua estratégia omnichannel e um sistema anti-fraude com análises automáticas e manuais. Tudo isso para que você não perca nenhuma venda e torne os resultados do seu negócio cada vez mais positivos!

Acesse o nosso site e saiba mais sobre as nossas soluções. E se você tiver alguma dúvida, deixe seu comentário aqui embaixo. Nossa equipe está à disposição para ajudar!

Checkout Transparente: aumente a sua taxa de conversão em 30%

O Checkout Transparente é a ferramenta ideal para quem busca aumentar a taxa de conversão de suas vendas, e dar mais segurança para os seus clientes no momento da compra. O Moip foi o criador desse serviço, sendo hoje marca registrada dessa solução de pagamento inteligente.

(mais…)

Checkout transparente: a ferramenta de pagamento com foco no vendedor

O checkout é uma das etapas mais importantes durante o processo de venda em um e-commerce. Em poucas palavras, o checkout é o conjunto de passos para realizar o pagamento de um produto ou serviço online (desde colocar o produto no carrinho até a confirmação do pagamento). Um checkout transparente promove um aumento nas taxas de conversão de um site, justamente por proporcionar uma experiência de compra otimizada para o cliente.Sem um checkout eficiente, todo o investimento em marketing, pesquisas de usabilidade e captação de leads podem ser perdidos já que é justamente nessa etapa que o cliente decide se vai ou não comprar o produto. Por isso cada elemento que o vendedor inserir nesse processo deve ser cuidadosamente pensado e acaba sendo responsável pela desistência do consumidor ou pela venda bem-sucedida. O checkout transparente impede que os abandonos de carrinho aconteçam na sua loja virtual, porque facilita o processo de compra de um produto.

Além dos fatores relacionados ao comportamento do próprio comprador, como por exemplo o arrependimento e a distração, outros detalhes como número de etapas para a realização do pagamento e a experiência de uso que o vendedor proporciona para seu cliente durante a finalização da compra são fortes impactadores de conversão.
Segundo pesquisas da Forrester Research, checkouts complicados são responsáveis por 11% dos abandonos de carrinhos, enquanto que a obrigatoriedade de apresentar dados (formulários) é responsável por 14% das desistências. Outro item que pode “atrapalhar” a finalização de uma venda é a presença do Um intermediador de pagamento, como o Wirecard, oferece um checkout transparente, que livra o cliente do redirecionamento de páginas, aumentando as taxas de conversão de um site.

Se, por um lado, empresas coma Wirecard, Pagseguro, MercadoPago e Paypal trouxeram mais praticidade para os negócios solucionando todas as demandas do lojista – como segurança nas transações e oferta de vários meios de pagamento – ao se posicionarem como intermediadores incluíram no processo seu próprio fluxo de checkout e em alguns casos também inseriram etapas desnecessárias como preenchimento de cadastros e abertura contas.

Pensando em simplificar esses processos e aumentar a conversão de seus lojistas, a Wirecard criou em 2012 o checkout transparente, tornando-se a primeira empresa de pagamentos a dar preferência ao lojista no processo de checkout. “Na Wirecard já existia o conceito do “Pagamento Direto”, mas nós precisávamos desenvolver uma solução que facilitasse a integração e ao mesmo tempo fizesse o armazenamento seguro e inteligente de dados para viabilizar a compra por um clique. Por isso optamos pela tecnologia JavaScript que é compatível com os módulos ASP, PHP, Java, Ruby, de fácil integração.

Outra vantagem que oferecemos para o vendedor ao criar o Checkout Transparente é que o lojista fica automaticamente coberto pelo nosso certificado de segurança do PCI, já que as informações da transação dele vão direto para o servidor da Wirecard. Assim, além do vendedor fornecer total segurança para os compradores não precisa se preocupar em se adequar a essas regras e padrões”, diz Breno Oliveira, um dos desenvolvedores que criaram o checkout transparente da Wirecard.

Para os vendedores, além de ser uma solução com foco na conversão dos lojistas, o checkout transparente favorece muito a experiência de pagamento do cliente. “No Zarpo, implementamos o one-step check-out através do check-out transparente da Wirecard desde o inicio da nossa operação. Conseguimos obter uma experiênca do usuário avançada em poucas horas sem ter que abrir mão de todo o leque de serviços de pagamento que Wirecard oferece”, disse Pierre-Eloi Déchery, CEO da plataforma de viagens Zarpo.