Split de pagamento na prática: situações onde ele pode ser adotado

Saiba mais sobre o conceito de split de pagamento e conheça, neste artigo, algumas formas práticas de utilização

Compartilhe

Ao longo dos últimos anos, o mercado de e-commerce vem crescendo de forma significativa. Junto a esse movimento, bem como impulsionadas por fatores como a transformação digital e o novo perfil do consumidor, estão as ferramentas que podem ser utilizadas para facilitar o dia a dia das empresas e otimizar a experiência dos clientes. O split de pagamento é uma delas. 

O recurso, que vinha sendo utilizado pelo varejo físico há algum tempo, chegou ao comércio eletrônico recentemente, mas já faz parte das operações de muitos varejistas e negócios de outros setores. Se você está aqui, provavelmente é porque ouviu falar sobre a solução e quer saber se a mesma pode auxiliar a sua organização.  

Nesse caso, chegou ao lugar certo. Acompanhe o artigo, saiba mais sobre o conceito e conheça algumas formas práticas de utilização. 

O que é split de pagamento?

Split de pagamento é o nome que se dá à possibilidade de um mesmo cobrador dividir uma transação financeira em diversos pagamentos. Desse modo, os diferentes agentes, ou vendedores, recebem o valor devido de forma automática e sem repasses e bitributação.

É uma funcionalidade muito usada no método de cobrança de comissão sobre as vendas, como é o caso de marketplaces como o Mercado Livre, Submarino e Magazine Luiza. Além disso, aplicativos como Uber e Airbnb também utilizam a ferramenta. 

Para ficar mais claro, vamos a um exemplo. Imagine que um consumidor faz uma compra de R$500,00 no marketplace, valor que é repassado para intermediadores e lojistas automaticamente no momento do checkout. 

No entanto, na fatura do cartão do cliente aparece apenas o valor total, não sendo discriminada a divisão feita entre os parceiros. Isso facilita tanto os processos das empresas quanto a experiência de compra. 

Em quais circunstâncias o split de pagamento pode ser utilizado?

O split de pagamento pode ser adotado por qualquer negócio que tenha a necessidade de dividir pagamentos de uma mesma transação por diferentes destinatários. Listamos algumas situações específicas para as quais ele pode ser empregado:

  • Compras que envolvem mais de um vendedor

Uma situação que vem se tornando cada vez mais comum, na medida em que o número de marketplaces cresce, é o cliente colocar produtos e serviços de diversos fornecedores no mesmo carrinho. Para o consumidor, a compra continua a mesma, enquanto para as empresas o processo se torna dinâmico, organizado e facilitado, já que as mesmas recebem os valores de forma automatizada e descentralizada, direto da transação, sem a necessidade de repasse ao marketplace. 

  • Uso de dois cartões pelo cliente

Outro exemplo de como o split de pagamento pode ser utilizado é quando o consumidor utiliza dois cartões para realizar uma compra. Isso ocorre por razões como limite insuficiente ou prazos de pagamentos diferentes. Ao contar com essa comodidade, caem as chances de um potencial cliente desistir de adquirir aquilo que precisa ou ir para a concorrência. 

  • Marketplace de serviços

O marketplace de serviços é um modelo de negócios inovador, que tem como objetivo reunir diversos fornecedores em um mesmo ambiente online. Um dos mais conhecidos é o Get Ninjas, que integra soluções como as de limpeza, manutenção, assistência técnica e reformas. 

Para esses casos, o split de pagamento também é uma boa solução. Isso porque tanto o intermediador, no caso o site, quanto os profissionais recebem seus pagamentos de forma automática, confiável e segura.

  • Comissionamento

Outra forma de utilizar o split de pagamento é para situações mais simples de comissionamento. Por exemplo, no caso dos representantes de vendas, os quais podem indicar determinada marca ou produto. Enquanto o valor cheio fica para o marketplace, os mesmos recebem uma porcentagem, repassada na hora da transação, sem necessidade de ir para a conta-mãe e, depois, para o comissionado. 

Como o Moip apoia varejistas a aprimorar o spit de pagamento

O Moip, que foi fundado em 2007 e adquirido pelo grupo PagSeguro é pioneira no split de pagamento, com a solução mais madura do mercado e 100% transacional Seu propósito  é apresentar soluções simples e definitivas para negócios e empreendedores.

Entre as ferramentas disponibilizadas estão o split de pagamento e recurso de checkout transparente, as quais já são amplamente utilizadas no mercado. Para saber mais sobre esses e outros serviços, converse com um de nossos especialistas.

Split de pagamento - Conheça as vantagens


Compartilhe