Por William Franklin

Uma das maiores preocupações do empreendedor que pretende iniciar uma operação de e-commerce está diretamente relacionada à segurança das transações, afinal, lidar com informações pessoais dos clientes é assunto sério. Por isso, é preciso contar com uma boa estrutura para receber pagamentos de forma segura. Veja o que essa estrutura envolve:

Proteção contra fraude

Primeiramente, uma boa solução de pagamentos precisa oferecer um sistema eficiente de proteção contra fraudes. Esse tipo de recurso garante a segurança da loja contra compras fraudulentas, problema que ainda afeta muitos e-commerces e pode comprometer seriamente a saúde do negócio, caso ele não esteja devidamente preparado.

O sistema antifraude analisa cada transação comercial e pesquisa uma enorme base de dados a fim de encontrar sinais de que há algo errado. Se algum detalhe chamar a atenção nessa análise, o sistema impede que a operação seja finalizada, evitando qualquer prejuízo à empresa.

Certificados de segurança

Outro elemento importante para receber pagamentos de forma segura diz respeito aos certificados de segurança, que indicam o nível de preparo da solução em lidar com dados pessoais. Por isso, ao escolher entre as diferentes opções do mercado, exija uma que tenha os seguintes selos:

PCI DSS

A sigla PCI DSS vem do inglês Payment Card Industry Data Security Standard (algo como Padrão de Segurança de Dados da Indústria de Pagamentos com Cartões). Basicamente, é um padrão internacional para instituições que recebem pagamentos com cartão e, portanto, precisam oferecer um nível altíssimo de segurança de dados. Esse certificado é essencial, pois sem ele a empresa é considerada fora dos padrões internacionais, indicando que é vulnerável a falhas e ataques.

SSL

O termo SSL (ou Secure Sockets Layer) é outro padrão global usado para se certificar de que todos os dados transmitidos em um site sejam criptografados, não ficando expostos a pessoas mal-intencionadas. A presença do certificado SSL em um site pode ser notada pelo “https://” antes do endereço, ao contrário do “http://” normalmente encontrado. Além de e-commerces, sites de bancos, sistemas governamentais e todo tipo de portal que lida com informações sigilosas usa esse certificado, fundamental para manter a integridade dos dados de uma transação financeira.

Clique e-Valide

Ainda há outros selos que fazem a diferença, como o Clique e-Valide, selo dado pela Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico, principal entidade de representação da economia digital no país, para organizações que estão aptas a lidar com operações econômicas online seguras.

Confiança do mercado

Por fim, outro fator definitivo é a confiança do mercado. Procure uma solução que ofereça as principais opções de pagamento utilizadas, tenha clientes reconhecidos e seja sinônimo de qualidade na indústria de pagamentos. Tomar esse cuidado é uma das maiores garantias de que o relacionamento será bem-sucedido e que os clientes poderão pagar com total segurança e comodidade.

De modo geral, para receber pagamentos de forma segura é preciso buscar uma solução robusta, capaz de se alinhar aos padrões internacionais estabelecidos para transações digitais e que seja acessível para operações de todos os níveis. Com isso, os clientes terão confiança na hora de comprar e você na hora de receber.

Gostou das nossas dicas para receber pagamentos de forma segura? Então curta nossa página no Facebook e continue acompanhando conteúdos relevantes para ajudar sua loja!

tudo sobre integração de pagamento

Comentários